Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

PAULO COELHO PROMETE DOAR LIVROS PARA ESCOLAS E LIVRARIAS NA ÁFRICA

Compartilhe:
04131528538143

O sucesso de Paulo Coelho começou em 1988, quando lançou o best-seller “O Alquimista”. A história do garoto pastor nas pirâmides do Egito, em busca da fortuna, vendeu milhares de cópias no exterior, em 1993, quando foi traduzido para o inglês. O sucesso, escrito por Paulo Coelho em duas semanas, foi lido desde por pessoas comuns até por líderes, como Bill Clinton.

Seu sucesso segue enorme até hoje e, agora, Paulo Coelho quer dar a chance de ler suas histórias para os africanos. Em um tweet, o autor disse que comprará os livros com as editoras, para distribuir para escolas e livrarias africanas, tornando seus livros mais acessíveis.

O autor solicitou que os pedidos fossem feitos por e-mail. Pelas respostas no próprio tweet, a notícia atraiu desde leitores individuais, até organizações em países como Djibouti, Madagascar, Quênia e Tanzânia.

Caso seja atendido o pedido, os leitores terão acesso às dezenas de livros do autor, que incluem memórias, coletâneas, marcações, e alguns dos best-sellers, como “O Diário de um Mago”.

Não é de hoje é Paulo Coelho é conhecido por tornar suas obras acessíveis, por isso seus fãs não se surpreenderam com a ação. Paulo Coelho já defendeu firmemente que seus livros tenham preços justos e sempre quis que a tradução fosse feita por tradutores locais.

Além disso, ele também já divulgou seus livros fora da linha das grandes cidades, para que todos tivessem acesso às obras. “Por toda a minha vida, as coisas mais importantes que aprendi vieram de pessoas normais.”, contou em entrevista ao New York Times.

Após grande repercussão, Paulo Coelho avisou que diminuiria a área de doação e que, por enquanto, doaria apenas para a África subsaariana.

Fonte: Mega Curioso 

Deixe seu comentário:

Menu

Curta no Facebook